Bulldog: veja características, tipos, preço e cuidados

Bulldog: veja características, tipos, preço e cuidados

O Bulldog é um cão que encanta pelas suas dobrinhas e por seu companheirismo. Entre neste artigo e descubra tudo sobre ele!


O Bulldog é um cachorro requisitado!

bulldogs

Conhecido por ser grande, fofinho e com muitas dobras pelo corpo, o cão da raça Bulldog se popularizou nos mais diferentes lugares do mundo. Um dos requisitos para criar o cão envolve seu porte: por ser um cão mais baixo e com tendência ao sobrepeso, é fundamental que ele faça atividades físicas todos os dias da semana. Além da atividade física, um ponto muito importante na criação do Bulldog é quanto à saúde da sua pele.

Neste artigo, você saberá mais detalhes sobre as características visuais, o tamanho, o peso, a personalidade e os diferentes tipos de Bulldog. Inclusive, saberá quais são os custos envolvidos para o cão ter uma boa qualidade de vida, os cuidados que se deve ter com o cachorro e mais informações pertinentes sobre essa raça. Vamos lá?

Características de um Bulldog

Bulldog Inglês

O Bulldog é um cão muito tranquilo e que chama a atenção por onde passa. A seguir, você irá saber tudo acerca das características visuais, tamanho, peso, expectativa de vida e personalidade dos cães da raça Bulldog. Acompanhe.

Características visuais

O Bulldog é um cão que se destaca pelo seu tamanho e pela sua aparência enrugada. Além do corpo enrugado, o Bulldog é conhecido por ser um cão robusto, forte e musculoso.

Além disso, os cães dessa raça não costumam ser muito altos, o que faz com que eles sejam considerados de médio porte. Também é importante destacar que eles têm tendência ao sobrepeso. A boca e o focinho robustos, grandes e escuros, também marcam as características visuais do cão da raça Bulldog.

Tamanho, peso e expectativa de vida

Apesar de ter um pequeno tamanho, cerca de 30 a 38 centímetros na cernelha, o Bulldog pode pesar até 25 kg na vida adulta, o que faz com seja necessário ter muito cuidado com a alimentação e com a frequência de atividade física.

Em relação à expectativa de vida do Bulldog, ele é um cão que pode chegar aos 12 anos de idade. No entanto, para que ele viva por muitos anos com os tutores, é fundamental ter um cuidado especial com a saúde do cão principalmente com os problemas respiratórios e dermatológicos que podem acometer o Bulldog.

Personalidade do Bulldog

A personalidade do Bulldog é caracterizada por ser muito calma, tranquila, mas também teimosa. Apesar de ter uma carinha com um semblante bravo, o Bulldog é um cão muito afetuoso, inclusive com crianças e pessoas desconhecidas.

Para reduzir a teimosia do cão, o recomendado é que desde filhote ele seja ensinado com técnicas de adestramento e de socialização. Assim, ele vai aprendendo a obedecer todos os comandos dos seus tutores, de maneira mais tranquila e natural.

Diferentes tipos de Bulldog

A raça Bulldog apresenta diferentes tipos de cães com características peculiares entre si. Porém, todos são considerados Bulldog e podem ser encontrados com as seguintes nomenclaturas: Bulldog inglês, Bulldog americano, Bulldog francês, Olde english Bulldog, Ca de Bou, Alapaha blue blood e Bulldog australiano. Confira a seguir mais informações sobre esses cães.

Bulldog inglês

bulldog inglês

Um cão gentil, dedicado, apegado ao seu dono e de temperamento moderado, assim é o Bulldog inglês que antigamente já foi conhecido como agressivo, por mais que não seja. Esse tipo de Bulldog gosta de ser o centro das atenções e de brincar muito. Por ter um comportamento calmo, esse cão é muito indicado para a convivência com crianças.

Como ponto negativo, o Bulldog pode apresentar momentos de teimosia, além de não resistir a altas temperaturas, o que faz com que os tutores tenham que ter muito cuidado em relação ao local que o cão irá ficar e também os períodos em que irá praticar atividade física.

Bulldog francês

bulldog francês

Conhecido por ser alegre, sociável e curioso, o Bulldog francês é muito apegado aos donos e isso faz com que ele seja dependente da presença de pessoas ao seu redor. Por isso, não deixe o Bulldog francês sozinho em casa por longos períodos.

Como esse tipo de Bulldog é muito brincalhão e obediente, ele tende a ter uma excelente relação com as crianças. As desvantagens do Bulldog francês são a fraca resistência ao calor e a irritação dos machos quando outros cães do mesmo sexo estão próximos dele.

Bulldog americano

bulldog americano

O Bulldog americano tem o seu histórico de criação nos Estados Unidos, por imigrantes da classe trabalhadora que usavam os cães para proteger as propriedades rurais e os fazendeiros contra o ataque dos lobos. Esse tipo de Bulldog é muito semelhante com o Pitbull branco por ser grande e forte.

Além disso, esse cachorro é veloz e ágil, com muita energia e inteligência. Por ser ativo e muito social, o American Bulldog costuma ter boas relações com os familiares e com estranhos.

Olde english Bulldog

Olde english bulldog

De acordo com o Dogster, esse tipo de bulldog é um cruzamento entre o Bulldog, o American Pit Bull Terrier, o American Bulldog e o Bullmastiff. O Olde English Bulldog é semelhante com os demais tipos de Bulldog, porém é mais atlético e possui mais resistência.

O Olde English Bulldog é ideal para pessoas mais ativas que gostam de praticar atividade física diariamente. Isso se deve ao fato de ele ter um corpo e resistência muito maior do que os demais Bulldogs. Além disso, o Olde English Bulldog é um ótimo cão de guarda e é muito leal à família.

Ca de Bou

Ca de bou

Considerado um dos Bulldogs mais antigos do mundo, o Ca de Bou teve o seu primeiro registro de aparecimento no ano de 1200, conforme o Old Red English Bulldogs Kennel.

Quanto às características físicas do Ca de Bou, ele é um cão que apresenta corpo esguio e musculoso, cabeça larga, olhos escuros, mandíbulas poderosas, orelhas pequenas, peito largo e profundo, além de ter uma pele mais grossa e as costas achatadas.

O comportamento do Ca de Bou é muito calmo e tranquilo. Isso faz com que eles estejam sempre perto das pessoas da família para brincar e também proteger todos ao seu redor.

Alapaha blue blood

Alapaha blue blood

Criado no sul dos Estados Unidos com o objetivo de ser um cão de captura de gados e outros animais, o Alapaha blue blood apresenta um comportamento possessivo, protetor, brincalhão e muito dedicado.

Para que esse cão tenha uma boa convivência com as crianças, é necessário que, desde filhote, ele seja ensinado com técnicas de adestramento e de socialização. Isso faz com que a relação entre ambos seja muito mais tranquila e divertida.

Por ser um excelente cão de guarda, o Alapaha blue blood tende a ser seletivo com novas pessoas e não costuma se dar bem com outros cachorros e com os demais animais.

Bulldog australiano

Bulldog australiano

Com uma formação corporal muito forte, o Bulldog australiano macho costuma apresentar musculatura compacta e sólida. Já as fêmeas apresentam um tronco mais longo e corpulento.

As características visuais do Bulldog australiano são caracterizadas por traços fortes e quadrados, focinho em tonalidade escura e formado por rugas, dentes de tamanho adequado e bem distribuídos pela boca.

Já a pelagem do Bulldog australiano é curta, lisa e com uma maciez moderada, nem muito macia e nem muito áspera. A personalidade desse cão é de apego aos seus donos, além de ele ser muito amigo das crianças.

Preços e custos do Bulldog

bulldog francês

Com certeza, até aqui, você já ficou com vontade de ter um Bulldog não é mesmo? Então, vamos conhecer agora os principais custos e preços com a compra, alimentação e cuidados com a higiene e limpeza que devem ser investidos para criar um Bulldog saudável.

Preço do cachorro Bulldog

O Bulldog é um cão que conquista o coração de muitas pessoas. E você, também está interessado em levar para o seu lar um cachorro Bulldog? Se a resposta for sim, tenha em mente que será necessário investir de R$ 2.800,00 a R$ 4.000,00 para ter um cãozinho dessa raça.

O preço do cachorro Bulldog pode variar conforme alguns fatores, como localização e a reputação do canil, se o cão é macho ou fêmea, a idade do animal, se o cão é filho de pais campeões, entre outros.

Onde comprar um Bulldog

O ideal é que a compra do Bulldog seja em canis autorizados e licenciados pelo American Kennel Club (AKC), que é o responsável por manter os padrões da raça.

Para você ter mais segurança quanto à escolha do canil, opte por visitá-lo sem marcar horário. Chegue de surpresa e verifique todas as condições de saúde, higiene e limpeza do local. Esses pontos são cruciais para se fazer uma boa escolha do criador responsável pelo Bulldog.

O que pode influenciar o preço da raça?

O preço do Bulldog pode ser influenciado por uma série de fatores como, por exemplo, se ele possui ou não pedigree, se ele é de algum tipo específico de Bulldog, qual é sua cor, qual é o local do canil, entre outros.

Quanto às cores do Bulldog, no caso do Bulldog francês, os exemplares nas cores fulvo (caramelo com manchas brancas) ou tigrado são considerados originais, por isso são mais caros. Já o Bulldog francês na cor azul, lilás ou branco é considerado raro e, portanto, apresenta um elevado preço nos canis.

Gastos com alimentação

A alimentação do Bulldog é muito importante para que ele tenha um crescimento e pelos saudáveis. Rações à base de proteínas e ricas em diferentes tipos de ômegas são as indicadas para essa raça e podem ter preço variável de R$ 120,00 a R$ 216,00 o pacote com 12 kg.

Quando filhote, o recomendado é que o Bulldog seja alimentado com cerca de 120 gramas por dia. Na fase adulta, o Bulldog deve ser alimentado com 270 gramas diárias de ração, resultando em um gasto mensal de aproximadamente R$ 140.

Gastos com veterinário e vacinas

Para que o Bulldog tenha uma vida saudável, é importante que sejam realizadas consultas periódicas com um médico veterinário. Essas consultas podem custar de R$ 150,00 a R$ 200,00 conforme o local que o cachorro é atendido e o horário da consulta.

Além dos gastos com o veterinário é importante prever os custos com as vacinas do cãozinho, as quais são obrigatórias para que o animal cresça saudável. A vacina antirrábica pode custar até R$ 70,00 cada dose, já a V8 ou V10, que complementam a antirrábica, podem custar de R$ 60,00 a R$ 90,00 cada dose.

Gastos com higiene e limpeza

O Bulldog é um cão que necessita de uma limpeza constante na sua pelagem, a fim de evitar a formação de dermatites e demais problemas no pelo do animal. Isso faz com que seja necessário o investimento em lenços higiênicos para cachorro, que custam em torno de R$ 25,00 o rolo com 80 toalhas umedecidas.

Já o shampoo do Bulldog deve ser hipoalergênico e pode custar de R$ 28,00, os frascos menores e de marcas populares, a R$ 224,00, o frasco com 500 ml e de marcas importadas. Para escolher o melhor shampoo para o seu Bulldog, consulte o veterinário.

Cuidados com o cachorro Bulldog

bulldog tomando banho

A criação do Bulldog não é uma tarefa complicada, porém, é muito importante que alguns cuidados façam parte da rotina do cão, como, por exemplo, a prática de exercícios físicos e de socialização, higiene dos pelos, unhas, dentes, entre outros. Saiba mais detalhes a seguir.

Cuidados com o filhote

O filhote de Bulldog requer que o tutor tenha um cuidado mais especial quanto a necessidade de limpeza diária do rosto e das dobrinhas do corpo do cachorro. Além disso, é importante escovar o pelo do cão de 2 a 3 vezes na semana para retirar os pelos mortos.

Outro cuidado é quanto à temperatura do ambiente, já que essa raça não suporta altas temperaturas. Por isso, mantenha o filhote de Bulldog em um local fresco, bem ventilado e com água fresca para que o cão não venha a sofrer com desidratação.

Exercícios e socialização

Apesar de não ser conhecido como a raça mais ativa do mundo, o Bulldog é um cão que gosta de se exercitar. Por isso, é importante que o tutor esteja preparado para caminhar diariamente com o seu cãozinho, principalmente pelo fato de esse cachorro ser pré-disposto a desenvolver obesidade.

Com a atividade física, o ensino de técnicas de socialização também é muito importante para que o seu Bulldog possa ter um bom relacionamento com outros animais e também pessoas desconhecidas. Além das técnicas de socialização, o adestramento é muito importante para que o cão respeite e obedeça aos tutores.

Cuidados com pelo

O Bulldog é uma raça que requer uma atenção especial ao pelo do animal, isso porque, apesar de ele não ter pelo longo, apresenta pré-disposição para alergias ambientais e alimentares.

Com isso, o indicado é que os banhos sejam mensais e com um shampoo hipoalergênico ou calmante. Além disso, é importante que sejam higienizadas as dobrinhas do corpo do Bulldog, pois elas podem desencadear dermatites no cão.

A alimentação também é outro fator que auxilia nos cuidados com o pelo do Bulldog. O indicado é que a ração seja proteica e rica em ômegas, para que o pelo fique bonito e saudável.

Cuidados com unhas e dentes

O recomendado é que seja feita a escovação dos dentes, se possível, diariamente ou de duas a três vezes por semana. Assim, são retirados todos os restos de comida e de bactérias, evitando o acúmulo de tártaro e o mau hálito. Já quanto às unhas, o ideal é que elas sejam cortadas de uma a duas vezes no mês. Assim, você evita que elas fiquem grandes e possam machucar o seu Bulldog.

Bulldog: cara de bravo, mas com um comportamento dócil

família de bulldogs

Os cães da raça Bulldog são calmos e inteligentes. Seu instinto amigável faz com que ele ame estar na companhia de seus tutores, além de não apresentar mau comportamento com crianças e desconhecidos.

Por ser um pouco teimoso, o Bulldog pode necessitar de técnicas de adestramento e socialização. Conhecido por ter um corpo mais robusto e o rosto enrugado, o Bulldog conquista o mundo com as suas características visuais e comportamentais.

Vimos, neste artigo, que eles necessitam de um cuidado especial com o seu pelo, atividades físicas, alimentação e com a temperatura do ambiente em que ele ficará. Tendo atenção a todos esses pontos, com certeza, você terá um cãozinho Bulldog saudável e feliz!

Autor deste artigo

Artigos relacionados


Pássaro preto (graúna): descrição, como criar e muito mais

Pássaro preto (graúna): descrição, como criar e muito mais

Você conhece o pássaro preto? Neste artigo será possível conferir quais são as principais características da espécie, as subespécies, além de outras informações


Como fazer brinquedos para gatos: veja 32 ideias caseiras!

Como fazer brinquedos para gatos: veja 32 ideias caseiras!

Você sabia que criar brinquedos para o seu gatinho pode ser muito mais fácil do que imagina? Confira aqui 32 ideias super fáceis para você fazer!


Origem do cavalo: veja a história dos ancestrais à evolução

Origem do cavalo: veja a história dos ancestrais à evolução

Você já se perguntou de onde surgiu o cavalo? Conheça a origem e os ancestrais do cavalo, um dos animais mais majestosos e antigos do reino animal!


 Topolino: veja características, preço e como criar o roedor

Topolino: veja características, preço e como criar o roedor

Você já ouviu falar do rato Topolino? Este artigo mostrará tudo a respeito dele, de modo que você poderá criá-lo em casa, se quiser! Confira!


Cores do Lulu da Pomerânia: conheça cores raras e populares

Cores do Lulu da Pomerânia: conheça cores raras e populares

Diferentemente de outras raças, este pequeno e fofo cachorro possui 23 cores possíveis! Descubra aqui as inúmeras possibilidades de pelagem desta raça!


Últimos posts


Pássaro preto (graúna): descrição, como criar e muito mais

Pássaro preto (graúna): descrição, como criar e muito mais

Você conhece o pássaro preto? Neste artigo será possível conferir quais são as principais características da espécie, as subespécies, além de outras informações


Grama para gatos: o que é, tipos, benefícios e como plantar

Grama para gatos: o que é, tipos, benefícios e como plantar

Você sabia que a grama para gatos afeta o comportamento do seu felino e traz benefícios? Aprenda sobre a planta, formas de cultivo e muito mais neste artigo!


Como fazer brinquedos para gatos: veja 32 ideias caseiras!

Como fazer brinquedos para gatos: veja 32 ideias caseiras!

Você sabia que criar brinquedos para o seu gatinho pode ser muito mais fácil do que imagina? Confira aqui 32 ideias super fáceis para você fazer!


Cio de cachorro macho e fêmea: sintomas, como acalmar e mais!

Cio de cachorro macho e fêmea: sintomas, como acalmar e mais!

Seu pet está passando pelo cio? Se a reposta for sim, não perca tempo e venha conferir todas as dicas para passar por esse período de oscilações.


Petisco natural para cachorro: receitas, benefícios e dicas

Petisco natural para cachorro: receitas, benefícios e dicas

Já pensou em como pode ser interessante dar petisco natural para cachorro? Aqui você descobre os benefícios dessas guloseimas e algumas receitas para preparar.