Como fazer alimentação natural para cães? Dicas de alimentação e mais!

Como fazer alimentação natural para cães? Dicas de alimentação e mais!

Você sabe como fazer alimentação natural para cães? Sabia que essa mudança pode impactar na saúde do seu pet? Veja aqui tudo sobre o assunto!


Alimentação natural para cães: tudo o que você precisa saber!

Cão com comida natural

Você sabia que fornecer uma dieta completamente natural para os cães pode dá-los mais qualidade de vida e energia? Ainda que o tema traga muitas dúvidas para os donos de pets, a alimentação natural é extremamente positiva e pode acarretar uma série de benefícios aos caninos!

Ademais, alimentação natural para cães é um tema muito interessante e é possível praticá-la de várias formas. Por exemplo, há quem execute tal modalidade alimentar dando aos pets alimentos 100% naturais e orgânicos; também existem pessoas que fazem receitas mais elaboradas e que se arriscam em combinações para que a comida seja exclusivamente mais saborosa para o cão.

Além desses casos, neste artigo você vai ver tudo o que precisa saber sobre alimentação natural para cachorros. Por exemplo, quais são os alimentos indicados? Quais são as melhores combinações indicadas para os cães? Além de, claro, conhecer várias dicas para implementar a dieta natural desses animais! Vamos lá?

Tudo sobre alimentação natural para cães

Cão escolhendo pote com comida natural ao invés de ração

A alimentação natural para cães é um tema que sempre está permeando muitas conversas de donos de pets, já que nem todos sabem sobre o que se trata e possuem dúvidas sobre como conduzir toda essa mudança. Por isso, veja, a seguir, o que realmente é a alimentação natural para cachorros, o que não é, quais cuidados devem ser tomados antes de aderir a tal dieta e como se planejar quanto a ela. Confira:

O que é alimentação natural para cães

Alimentação natural para cães é aquela que leva o mínimo possível de alimentos processados e com condimentos, e essa já é uma mudança muito importante na dieta de um animal, promovendo inúmeros benefícios. A indicação para se fazer esse tipo de alimentação é investir em comidas que não sejam industrializadas.

Isso tem a finalidade de proteger a saúde do seu pet, assim como acontece com a nossa própria alimentação. O intuito é que a partir da alimentação, se tenha o cuidado ideal da saúde, prevenindo doenças e ajudando no dia a dia.

O que não constitui alimentação natural para cães

Alimentos crus, sem nenhum tipo de tratamento ou cuidado são exemplos do que não constitui alimentação natural para cães. Algumas pessoas pensam que o alimento in natura configura esse tipo de dieta para o cachorro.

Alimentos tratados, cozidos e até mesmo combinados podem ser parte de uma alimentação natural, sem perder os seus benefícios nutricionais e também a sua indicação. Saber disso evita muitos erros de serem cometidos.

Quais cuidados tomar

Quando se fala em alimentação natural para cães é preciso pensar exatamente no que isso quer dizer, para que não se caia em alguns erros que são cometidos por muitas pessoas que não entendem bem a função desse novo cardápio. Alimentos crus nem sempre são saudáveis para os cães.

Apesar de muitos considerarem como uma alimentação natural, o risco de o pet ingerir bactérias nocivas para o seu organismo é muito grande. Por isso é necessário que você tenha alguns tipos de cuidados com o alimento, como: lavar bem, desinfetar e cozinhar, se for o caso. Dieta diz respeito também aos cuidados com a preparação do alimento evitando condimentos como o sal e o açúcar.

Como se planejar

O planejamento para a alimentação natural para cães é fundamental para que você possa preparar corretamente cada alimento e também para entregar alguma variedade para o seu amigo.

Sempre ter uma lista disponível de alimentos que podem ser oferecidos, e até mesmo distribuindo no tempo que você tem livre para a preparação do mesmo é um dos cuidados que você pode ter e que ajudam no planejamento de um novo hábito para o seu cachorro e para você também.

Diferenças entre comida natural e ração

Cão com comida natural

Uma das maiores discussões entre donos de cachorros em relação à alimentação natural para cães é a comparação feita com ração. Afinal, é interessante ou não fazer uma dieta de alimentos e ração também?

Agora você descobrirá, de uma vez por todas, quais são as diferenças fundamentais quanto aos carboidratos, à digestão e aos nutrientes da alimentação natural. Confira!

Quantidade de carboidratos

A quantidade de carboidratos presentes na ração é algo inimaginável. Tamanha carga de carboidrato não é nada indicada para a saúde de seu pet e nenhuma dieta recomenda esse tipo de situação. Quando você opta pela alimentação natural para cães é possível ter um controle maior da quantidade de carboidrato a ser consumido, elegendo os melhores alimentos.

Por este motivo é um tipo de cuidado a ser pensado, já que ele pode trazer inúmeros benefícios para o seu querido amigo.

Facilidade na digestão

Outra diferença incrível entre alimentação natural para cães e a utilização de rações é a facilidade de digestão do cachorro. Uma boa dieta favorece o bom funcionamento intestinal do cachorro. Quanto mais natural for o alimento, maior será a facilidade de o cão absorver os nutrientes e também ter todo o trabalho de digestão bem feito de forma saudável.

Nutrientes disponíveis

Os nutrientes disponíveis em uma alimentação natural para cães são maiores, tendo em vista que você tem a possibilidade de dar mais atenção a um tipo de alimento específico para a composição da dieta. Assim, ao variar a alimentação você encontra uma combinação boa de vitaminas e sais, algo que a ração tem de forma limitada, variando somente a marca.

Dessa forma não seria possível cuidar especificamente de um tipo de nutriente que pode estar em falta e que pode fazer toda a diferença na saúde do cachorro.

Principais alimentos usados na comida natural

Patas de Cão com comida natural

Ao falarmos a respeito da alimentação natural para cães, é comum que nos venha à mente uma série de dúvidas a respeito de quais alimentos podem fazer parte desse tipo de cardápio. Por isso, conheça, a seguir, quais são as melhores carnes, frutas, verduras e legumes para os mascotes caninos!

Carnes

As carnes são sempre as primeiras a serem lembradas quando se fala em alimentação natural para cães, e isso é normal, já que eles são animais carnívoros e que amam esse alimento, praticamente obrigatório na dieta. Ela é uma boa fonte de proteína para os cães e isso também diz respeito aos cuidados que se tem com relação ao tipo de combinações feitas, como com outros legumes, por exemplo.

Dentre as melhores opções de carne e de cortes para complementar a alimentação natural dos cachorros estão: o peito de frango, dentre as carnes brancas, e o patinho, o lagarto e o coxão mole, dentre as carnes vermelhas. As melhores escolhas sempre envolverão carnes magras e sem gordura!

Frutas

As frutas também são alimentos muito procurados por donos que querem oferecer uma alimentação natural para seus cães. Elas são ótimas opções para uma alimentação mais leve e, por isso, também devem ser mais exploradas. A combinação entre frutas é também uma boa forma de entregar bons nutrientes para o seu cão. Porém, atente-se para não oferecer uma fruta que ele não pode comer, já que algumas podem ser tóxicas ao animal.

As melhores frutas para cachorros são: maçãs, peras, bananas, melancias, melões e pêssegos. Vá fornecendo uma a uma ao animal até descobrir as preferências do seu pet!

Verduras e legumes

As verduras e os legumes, especialmente cozidos, são aliados quase perfeitos na alimentação natural para cães. Isso se deve ao fato da grande quantidade de benefícios que tais alimentos podem entregar à dieta feita. Ademais, a combinação deles com carnes vermelhas e com frango, é muito importante para que o seu cachorro tenha acesso a uma alimentação balanceada e rica em nutrientes.

Ótimas opções de verduras e de legumes são: abobrinha, beterraba, brócolis, espinafre, tomate, jiló e aspargos. Há várias receitas que podem ser feitas com esses nutritivos elementos!

Vantagens da alimentação natural para cães

Cão comendo comida natural

A alimentação natural para cães traz muitas vantagens e, tendo em vista a quantidade de nutrientes que eles acessam, certamente você já sabe disso. Qualquer dieta traz benefícios, desde que bem feita. Por isso, a seguir você descobrirá, em detalhes, quais órgãos a alimentação natural é capaz de proteger, além de uma série de benefícios. Vamos lá!

Protege os rins

Normalmente as comidas carregadas de condimentos, ou industrializadas, costumam trazer também consequências para os rins dos cachorros. Por isso a preocupação em fazer uma dieta bem equilibrada para o pet. Com uma alimentação natural para cães, é possível obter o máximo de cuidado com relação a esse problema.

Alimentos industrializados exigem trabalhos maiores dos rins para filtrar os nutrientes. Como os alimentos naturais já favorecem esses nutrientes, os rins podem ser poupados.

Possui menor carga glicêmica

Alimentos naturais possuem carga glicêmica menor que alimentos industrializados e isso todas as pessoas sabem. Em uma dieta, a diferença é na possibilidade de desenvolver algumas doenças muito graves.

A alimentação natural para cães evita que ele consuma algo com teor glicêmico alto, o que com o tempo pode até mesmo favorecer o desenvolvimento de doenças como diabetes ou outras intercorrências com a saúde do cão.

Cuidados com o coração

Existem também outros benefícios com a alimentação natural para cães, como o fato de você cuidar do coração e de todo o sistema cardiovascular do seu cachorro e tudo isso com uma boa dieta recomendada.

Como os alimentos naturais são digeridos rapidamente e possuem nível baixo de colesterol, evitam que o coração fique sobrecarregado com o tempo e também ajudam a manter o sangue livre de outros agentes nocivos para a saúde de uma maneira geral.

Previne desenvolvimento de câncer

Por fim, a maior vantagem de oferecer uma alimentação natural para cães é o fato de esses alimentos serem muito efetivos na prevenção de câncer, ao contrário de muitos outros alimentos industrializados.

Por conterem poucos condimentos e serem ricos em princípios ativos, os alimentos naturais são excelentes aliados para quem pensa em prevenir a ocorrência de câncer, algo que acontece principalmente quando o cachorro está com idade bastante avançada ou quando a alimentação é muito desequilibrada.

Desvantagens da alimentação natural para cães

Cão em colo de dona olhando comida natural

Tudo bem que a alimentação natural para cães é excelente e traz excelentes benefícios para a vida e cuidado do pet. No entanto, não existem somente flores nesse caminho de uma dieta bem feita e equilibrada. Por isso, a seguir você entenderá, em detalhes, quais são as principais desvantagens envolvidas na inclusão de alimentos naturais na dieta dos cachorros. Veja:

Necessidade de disciplina

Disciplinar o cão para alimentos que não estão dentro de sua rotina pode ser um desafio e tanto, considerando o tempo necessário para que ele altere seu cardápio e a dieta que deve fazer a fim dos cuidados com a saúde. Se você não praticou a alimentação natural para cães desde que seu pet era pequeno, depois de crescido o tempo pode ser muito maior.

Para isso é preciso pensar em transições aos poucos e muita disciplina, já que sempre outras guloseimas vão parecer mais suculentas para o cão.

Dificuldade de adaptação

Falando em adaptar uma nova rotina, esse é um processo muito delicado, especialmente no início, quando você começa a praticar a alimentação natural para cães e dar atenção especial na dieta aplicada. Por conta disso, o cachorro pode não reagir muito bem no início e saber respeitar etapas é também algo que faz a diferença.

Pense em um planejamento para conseguir acelerar a adaptação, e monte um cronograma ou algo do tipo que possa indicar a evolução na mudança de hábitos alimentares do cachorro.

Valor alto

Normalmente os alimentos naturais são caros e duram pouco, o que torna o custo de uma alimentação natural para cães um pouco alto. O erro mais comum nesse contexto é recorrer à ração, que tem um valor mais acessível. Porém, é possível fazer a AN com um custo controlado.

Busque promoções, pesquise preços e aposte sempre nas compras planejadas. Assim você consegue ter alimento suficiente, sem sobras e por um valor abaixo do que geralmente é praticado no mercado.

Dificuldades em variações

Variar o cardápio é outro desafio na alimentação natural para cães. Sabores, combinações, tudo fica mais difícil quando o cardápio é “limitado”. Procure mais informações, pesquise receitas e tudo mais que você puder encontrar e que ajude a fazer uma alimentação variada para o seu cachorro.

Com mais informações é muito mais fácil variar sem colocar em risco o seu amigo por conta de alguns alimentos que devem ser tirados de toda a maneira da sua rotina.

Quantidade de alimentos naturais para dieta dos cães

Cão com brócolis na boca

A quantidade de comida quando falamos em alimentação natural para cães é algo importante e que pode definir o quanto é gasto com esse hábito saudável e recomendado. Logo, fique atento quanto às porções fornecidas aos cachorros com todos os detalhes que serão fornecidos a seguir:

Cães filhotes

Os cães filhotes são, sem dúvida os mais famintos. Tudo o que você colocar e em qualquer quantidade, ele certamente vai comer. Por isso equilibrar uma boa dieta para o cãozinho faz toda a diferença. A quantidade de comida a partir da alimentação natural varia de 100g até 450g, tendo um aumento gradual de acordo com o seu crescimento. Levar em conta o porte do cão também é muito importante para ter o controle da quantidade exata.

Cães adultos

Os cães adultos não são menos gulosos e comem de tudo. O desafio é maior porque eles podem ser um pouco mais seletivos. Nesse contexto, procure entregar alimentos mais variados, até mesmo para ter uma medida mais controlada da quantidade. Para cachorros de porte miniatura a porcentagem varia de 7 a 10%; para os de porte pequeno, 4 a 6%; para os cães de porte médio a porcentagem varia de 4 a 5% do peso corpóreo; para os de porte grande, uma variação de 3 a 5% do seu peso.

Cães com alguma doença

A alimentação natural para cães com doenças é algo mais delicado, já que muitas doenças trazem muitas restrições alimentares. O recomendado nessas situações é seguir a prescrição de um médico veterinário, e também a partir de consultas com o mesmo, ter todas as indicações de como proceder na alimentação do pet.

Fale sempre da alimentação natural para que ele saiba como orientar da maneira mais adequada.

Como fazer comida natural para cachorros

Tendo todas as informações de como cuidar da alimentação natural para cães de todos os tamanhos e idades, é preciso saber, agora, como fazer algumas comidinhas que eles amam. Abaixo você conhecerá receitas muito saborosas de biscoito de abóbora e de frango e vitela. Além disso, vai saber como preparar verduras e legumes cozidos e até mix de frutas. Confira:

Biscoito de abóbora

O biscoito de abóbora é um dos carros-chefe da alimentação natural para cães. A receita é muito simples e interessante de fazer. Você utiliza uma xícara de abóbora cozida, uma colher de sopa de óleo de coco e meia xícara de chá de aveia em flocos.

Basta juntar tudo, misturar os ingredientes, dividir a quantidade para os tamanhos ideais do biscoito, e colocar para assar em uma forma antiaderente ou com papel manteiga. Deixando 25 minutos a 180° e colocando para esfriar, já está pronto o seu petisco.

Frango e vitela

Misturar carnes é algo que para nós não é tão interessante, mas uma alimentação natural para cães com essa combinação pode oferecer ainda mais nutrientes para o cachorro sendo uma boa dieta a ser aplicada. Para essa receita você pode utilizar 70 gramas de frango, 20 gramas de vísceras de vaca, 5 gramas de abóbora, 4 gramas de beterraba e 1 grama de azeite de oliva.

A preparação é simples. Basta cozinhar, deixar todos os alimentos juntos e oferecer frio ao seu cão. Ele vai amar!

Verduras e legumes cozidos

Verduras e legumes cozidos são mais simples, e você pode apostar na combinação que preferir para entregar uma alimentação natural para cães com mais nutrientes. Dietas com verduras e com legumes sempre são bem vindas nesse caso. Isso pode ser feito alguns dias específicos, substituindo alguns alimentos, o que pode ajudar até na economia.

Essa variação também é fundamental para que o cachorro tenha acesso a outros alimentos que possam favorecer a sua saúde.

Mix de frutas

Assim como as verduras, utilizar mix de frutas para a alimentação natural para cães é muito importante para favorecer outros nutrientes importantes. O fato de ajudar também na saúde é um dos motivos, além de ser uma boa ideia para dias quentes, por exemplo, quando se pode entregar algumas frutas frescas. Importante saber antes quais são as frutas permitidas e quais devem ser de fato evitadas.

Custos com a alimentação saudável para cães

Mão dando maçã na boca de cão

O custo de uma alimentação saudável para cães é algo que deve ser sempre observado, tendo em vista que pode ser algo muito alto se feito sem o planejamento adequado. Dependendo do seu orçamento, alguns alimentos podem ou não ser priorizados. Por exemplo, confira o preço de carnes, ovos, peixes, frutas e legumes a seguir:

Preço de carnes, ovos e peixe

Carne, ovo, frango e peixe faz parte de uma alimentação natural para cães, e normalmente eles costumam elevar bastante o preço desse cardápio. Como uma dieta para cães não possui somente esses nutrientes, fica mais fácil se planejar. As carnes para cachorro costumam ser acém, que está em um valor médio de R$35 o quilo, músculo que é encontrado no valor de R$34 a R$45, e os cortes magros de coxão duro, custando em média R$36 o quilo.

Ovos podem ser encontrados no valor de R$8 a R$12 a placa com 30 unidades e tem uma durabilidade maior. Os pedaços de frango utilizados para alimentação canina levam peito, com valor de R$17 o quilo, que é a média também para coxa e sobrecoxa. Lembre sempre de desossar os pedaços para não oferecer risco ao cão.

Para a alimentação com peixes, a sardinha está em um valor de R$6 o quilo, cavalinha tendo o valor compreendido entre R$3 e R$8.

Preço de frutas e legumes

Frutas e legumes possuem um valor mais em conta, desde que você saiba onde e quando comprar. Vale também variar bastante os alimentos, de modo que a dieta do seu cão possa ser mais abrangente. O preço de frutas em geral, considerando o quilo, está variando de R$2 a R$5 o quilo, dependendo da fruta e do local onde é comprado. A banana, por exemplo, se encontra a R$ 2,78 reais o quilo.

O preço de verduras está entre R$7 e R$15 o quilo, também variando de acordo com as opções. No caso dos legumes, podem ser encontrados de R$ 1,90 a R$15. Alguns dias específicos são oferecidos bons descontos, e é esse o momento certo para comprar. A abóbora, por exemplo, pode ser encontrada a R$ 1,90 o quilo. Mas atenção para não comprar nada vencido, e não oferecer riscos com a alimentação natural para cães.

Carboidratos

Carboidratos são muito importantes em qualquer dieta. Para os cães, eles podem ser interessantes para a sensação de saciedade, de modo que você possa investir na alimentação natural para cães com a inserção de fontes de carboidrato.

Normalmente os legumes são os que mais carregam esse nutriente, além de arroz integral, que pode também compor a alimentação do cachorro. O arroz integral pode ser comprado no valor de R$5 a R$10 em média, valor para 1 quilo. A batata doce também é uma boa fonte de carboidrato, sendo comprada no valor de R$4 e R$6.

Gorduras

Em qualquer boa dieta, as gorduras são essenciais, principalmente para o sistema cardiovascular, e por isso deve fazer parte da alimentação natural para cães, de modo a favorecer todos esses cuidados que são recomendados.

Os peixes são os que mais carregam esses nutrientes, e também alguns alimentos, em especial os grãos, que podem ser inseridos juntamente a outros alimentos. Exemplos de gorduras para seu cachorro são: a banha suína, óleo de peixe e óleo de coco. Este último pode ser encontrado na internet a R$ 17,40 um pote com 200 ml.

Dúvidas sobre alimentação natural para cachorros

Cão com comida natural

Tendo o contexto geral já conhecido de como fazer uma alimentação natural para cachorros, você se sente mais seguro para mudar o hábito do seu pet e toda a sua dieta? É sempre importante lembrar quais são os principais detalhes envolvidos na inclusão de alimentos naturais no cotidiano dos cães. Por isso, preste muita atenção nos fatos que serão mencionados a seguir:

Como introduzir a alimentação natural para cães?

Introduzir a alimentação natural para cães não é nada fácil, já que eles gostam mais de alimentos processados, ou pelo menos é isso que as pessoas acham. Se preparar para esse momento é fundamental para ter sucesso na mudança.

Cães seguem hábitos de seus donos, e também seguem costumes que foram ensinados. A introdução de uma alimentação não é feita de uma hora para outra. Se ele foi criado sempre comendo alimentos industrializados, essa mudança pode ser mais difícil, e cabe a você mudar aos poucos.

A alimentação natural serve para todos os cães?

Sim. Não existe nenhum tipo de condição que possa fazer com que a alimentação natural para cães não seja realizada. Uma dieta bem feita e devidamente equilibrada traz diversos benefícios para todos os seres vivos. O que deve ser avaliado nesses casos é qual tipo de alimento natural oferecer.

Existem algumas frutas e verduras que não podem ser consumidas por cachorros. Mas de uma forma geral é uma alimentação mais que possível para qualquer cachorro.

Pode dar alimentos crus aos cães?

Não é recomendado que se ofereça alimentos crus para cães, especialmente no que diz respeito a carnes, peixes e frango. Vale lembrar que ossos pequenos demais podem também oferecer um risco para o cachorro.

Na alimentação natural para cães, o cozimento de alguns alimentos mata algumas bactérias e microrganismos que podem fazer mal para eles. Os únicos alimentos crus liberados são as frutas, legumes e verduras.

Pode utilizar tempero?

Não é recomendado, mas caso queira utilizar escolha bem o tipo. A alimentação natural para cães não leva nenhum tipo de condimento ou adicional e por este motivo é uma dieta livre de agentes nocivos à saúde do animal.

O gosto do alimento natural já é muito saboroso para os cachorros, que possuem mais glândulas para esse reconhecimento que nós. Carregar a comida com temperos pode não ser uma boa ideia nem mesmo para a sua saúde. A cebola, por exemplo, é extremamente tóxica para os cachorros e deve ser evitada a todo o custo.

O que fazer se o cão não quiser comer?

Forçar a alimentação de um cachorro não é uma maneira adequada de fazer esse tipo de adaptação, e por isso não é uma técnica indicada. Esse tipo de decisão não diz respeito ao que já foi dito com relação a uma boa transição. Se o pet não lidar bem com a alimentação natural para cães em um primeiro momento, respeite.

Faça a inserção aos poucos, para que ele possa se acostumar, mas não deixe-o passar fome somente para aderir ao novo cardápio.

A alimentação natural é uma maneira de cuidado com o seu cão!

Cão com comida natural

A alimentação natural para cães é uma forma muito delicada de cuidar do seu cachorro, cuidando também de sua saúde. Praticar esse cardápio é oferecer ao seu amigo uma chance de ter uma vida mais saudável, mais equilibrada, ajudando até mesmo em sua jornada, que já é curta, mas que pode ser um pouco esticada com essa pequena mudança em seus hábitos.

Cuidar da alimentação ajuda a prevenir doenças e melhora a convivência do cachorro com todos. Já que você tem em mãos tanta informação interessante, que tal começar a praticar aos poucos essa mudança de hábitos alimentares do seu cão?

Autor deste artigo

Redator e amante dos pets (especialmente os cachorros).

Artigos relacionados


Grama para gatos: o que é, tipos, benefícios e como plantar

Grama para gatos: o que é, tipos, benefícios e como plantar

Você sabia que a grama para gatos afeta o comportamento do seu felino e traz benefícios? Aprenda sobre a planta, formas de cultivo e muito mais neste artigo!


Cio de cachorro macho e fêmea: sintomas, como acalmar e mais!

Cio de cachorro macho e fêmea: sintomas, como acalmar e mais!

Seu pet está passando pelo cio? Se a reposta for sim, não perca tempo e venha conferir todas as dicas para passar por esse período de oscilações.


Petisco natural para cachorro: receitas, benefícios e dicas

Petisco natural para cachorro: receitas, benefícios e dicas

Já pensou em como pode ser interessante dar petisco natural para cachorro? Aqui você descobre os benefícios dessas guloseimas e algumas receitas para preparar.


Quantos anos vive um gato doméstico? Veja a média e compare!

Quantos anos vive um gato doméstico? Veja a média e compare!

Conheça a expectativa de vida de um gato e quais são os aspectos gerais que podem influenciar essa qualidade.


Como cuidar de periquito: guia completo do filhote ao adulto

Como cuidar de periquito: guia completo do filhote ao adulto

Neste artigo, você verá que os periquitos são aves de fácil adestramento de ótima convivência e que sua presença traz leveza ao ambiente doméstico.


Últimos posts


Pássaro preto (graúna): descrição, como criar e muito mais

Pássaro preto (graúna): descrição, como criar e muito mais

Você conhece o pássaro preto? Neste artigo será possível conferir quais são as principais características da espécie, as subespécies, além de outras informações


Grama para gatos: o que é, tipos, benefícios e como plantar

Grama para gatos: o que é, tipos, benefícios e como plantar

Você sabia que a grama para gatos afeta o comportamento do seu felino e traz benefícios? Aprenda sobre a planta, formas de cultivo e muito mais neste artigo!


Como fazer brinquedos para gatos: veja 32 ideias caseiras!

Como fazer brinquedos para gatos: veja 32 ideias caseiras!

Você sabia que criar brinquedos para o seu gatinho pode ser muito mais fácil do que imagina? Confira aqui 32 ideias super fáceis para você fazer!


Cio de cachorro macho e fêmea: sintomas, como acalmar e mais!

Cio de cachorro macho e fêmea: sintomas, como acalmar e mais!

Seu pet está passando pelo cio? Se a reposta for sim, não perca tempo e venha conferir todas as dicas para passar por esse período de oscilações.


Petisco natural para cachorro: receitas, benefícios e dicas

Petisco natural para cachorro: receitas, benefícios e dicas

Já pensou em como pode ser interessante dar petisco natural para cachorro? Aqui você descobre os benefícios dessas guloseimas e algumas receitas para preparar.