Inseto tesourinha: veja descrição, tipos e como eliminar

Inseto tesourinha: veja descrição, tipos e como eliminar

Se você está se perguntando o que é um inseto tesourinha, este artigo irá te mostrar tudo o que você precisa saber sobre este artrópode tão comum e inofensivo!


Já viu o inseto tesourinha por aí?

Bicha-cadela (Forficula auricularia)

A natureza guarda tantas espécies de animais, que não é tão incomum vermos algum bicho ou inseto sem fazer ideia do que ele é. Um bom exemplo disso é o inseto tesourinha. Muito comuns em lugares escuros e úmidos, você provavelmente já viu um desses e apenas não soube identificá-lo.

E apesar de parecer insignificante para os humanos, este insetos de hábitos noturnos tem grande importância ecológica, auxiliando na eliminação de pragas, é onívoro e vive por até 1 ano.

Neste artigo, iremos falar um pouco mais sobre esse inseto, passando por suas principais particularidades, mostrando um pouco mais sobre cada tipo de tesourinha, assim como ensinando a eliminá-los dos lugares. Vamos lá?

Características do inseto tesourinha

Tesourinha listrada (Labidura riparia)

Identificar um inseto tesourinha quando se vê um pode ser uma tarefa difícil. Isso, porque esses artrópodes são facilmente confundíveis com outros tipos de animais. Por isso, separamos algumas características que podem ser relevantes na hora de diferenciar um inseto tesourinha.

Características físicas

Também chamados de dermápteros, esses são insetos de corpo alongado, estreito e achatado. A cor deles geralmente permeia entre o amarelo, preto e marrom. A população adulta dos insetos tesourinha possui antenas na altura dos olhos e um par de cercos em forma de pinça na parte de trás do corpo.

O inseto tesourinha apresenta dimorfismo sexual. Esse dimorfismo é notado principalmente quando se observa o tamanho do corpo e dos cercos, mais simples e retos nas fêmeas, enquanto nos machos podem ter diferentes formas e tamanhos.

Tamanho e tempo de vida

O tamanho do inseto tesourinha pode variar entre 3 e 85 mm. Esse tamanho se estende pelo comprimento, com um corpo bastante alongado e achatado.

Em relação ao tempo de vida, geralmente esse animal vive cerca de 1 ano de vida, quando consegue sobreviver longe da interferência de predadores ou seres humanos.

Habitat e comportamento

O inseto tesourinha possui hábitos noturnos e busca sempre permanecer em contato com superfícies de locais úmidos e escuros, como embaixo de pedras, troncos, madeira úmida ou até mesmo dentro de cavernas.

Normalmente, os machos das espécies de inseto tesourinha são muito agressivos uns com os outros. Esses padrões se iniciam quando eles, sem querer, tocam as antenas durante a locomoção. Alguns estudos, inclusive, já mostraram que esses comportamentos agressivos podem ser um tipo de cortejo homossexual entre dois machos de espécies diferentes.

Alimentação da lacrainha

O hábito alimentar do tesourinha, também chamado lacrainha, é bem variado. Algumas delas se alimentam de artrópodes, como as formigas e aranhas, e outras de vegetação viva em jardins ou plantações, extraindo pólen, esporos e partes de plantas. Existem, ainda, os insetos desse tipo que são detritívoros, ou seja, se alimentam dos restos orgânicos de animais mortos.

Outro tipo de alimento que esse inseto consome são as pragas agrícolas, como pulgões, ácaros e lagartas de mariposas.

Reprodução e ciclo de vida

Antes da cópula, os machos costumam cortejar as fêmeas por dias até elas estarem prontas para reproduzir. Após a cópula, os espermatozoides podem ficar meses no corpo da fêmea até que ocorra, de fato, uma fecundação.

Como são ovíparas, as fêmeas colocam ovos de uma cor esbranquiçada que podem durar cerca de 10 dias até eclodir. Após a eclosão, a fêmea cuida do filhote por cerca de 40 dias até ele atingir a fase adulta. A fase adulta é a de maior duração no ciclo de vida do inseto tesourinha, durando cerca de 200 dias. Após esse período, o inseto tesourinha completa o seu ciclo de vida.

Alguns tipos do inseto traça tesourinha

Na natureza existem alguns tipos de insetos tesourinhas ou de dermápteros, como também são chamados. Eles se diferenciam por algumas características físicas e comportamentais. Neste tópico, conheceremos alguns deles, entendendo quais características os diferenciam.

Bicha-cadela (Forficula auricularia)

Bicha-cadela (Forficula auricularia)

Vulgarmente chamada de Bicha-cadela, esse é um inseto com corpo alongado, de coloração castanha-brilhante no dorso e amarelada nas patas e asas. O seu comprimento pode variar de 1 a 3 cm.

Normalmente, os machos têm pinças mais arqueadas e robustas que as fêmeas. A sua alimentação é onívora, portanto, eles comem uma variedade grande de alimentos, como pulgas, vegetação viva e até mesmo animais em decomposição.

Tesourinha listrada (Labidura riparia)

Tesourinha listrada (Labidura riparia)

A Tesourinha listrada é uma espécie que se difere por ter listras pelo corpo. A sua cor se assemelha aos tons de castanho-amarelado e, assim como outras espécies de inseto tesourinha, essa também possui cercos em formas de pinça.

É uma espécie que pode existir em todos os lugares do mundo, desde que encontrem o habitat ideal. O tamanho do corpo pode variar entre 16 e 30 mm. Uma curiosidade interessante sobre essa espécie e que a difere das outras é que os machos costumam possuir 2 pênis, que podem ser usados na mesma proporção.

Tesourinha preta (Euborellia annulipes)

Tesourinha preta (Euborellia annulipes)

Conhecida por habitar os Estados Unidos desde 1902, a Tesourinha preta é tipicamente castanha-escura, beirando o preto, com uma cor marrom-escura nas patas. Ela geralmente mede de 10 a 25 mm de comprimento. Diferente das outras espécies, esta não possui asas e as fêmeas costumam ser maiores que os machos.

Como a maioria das tesourinhas, os cercos dos machos costumam ser mais curvos que os das fêmeas. Além disso, os machos possuem cerca de 10 segmentos abdominais, enquanto as fêmeas têm apenas 8.

Tesourinha da praia (Anisolabis littorea)

Nativa do leste da Austrália e da Nova Zelândia, esta é uma espécie encontrada em praias, geralmente sob pedras e escombros. Normalmente, tem uma coloração preta na parte do abdômen e um castanho-claro na cabeça e nas patas.

É uma espécie carnívora que se alimenta de centopeias, moscas e isópodes, como piolhos. O seu habitat preferido se limita lugares escuros. Quando vê muita claridade, a Tesourinha da praia tende a se esconder.

Tesourinha do mar (Anisolabis maritima)

Tesourinha do mar (Anisolabis maritima)

Também chamada de Tesourinha à beira-mar, esta é uma espécie que se parece muito com a Tesourinha da praia. Normalmente, é encontrada perto da linha da costa, mas pode viver em diversos lugares desde que exista o habitat adequado.

Acredita-se que essa tesourinha veio da Ásia. Ela pode medir de 2,5 até 3 cm e tem uma cor acinzentada ou preta no corpo, com patas amarelas claras. Assim como a Tesourinha preta, a do mar também não possui asas. Os machos desta espécie são conhecidos por possuírem cercos extremamente assimétricos e muito fortes.

Tesourinhas de Santa Helena (Labidura herculeana)

Esta é uma espécie de tesourinha que já está extinta do mundo desde 2014. A Tesourinha de Santa Helena vivia na ilha oceânica de Santa Helena, no sul do Oceano Atlântico.

O seu tamanho podia chegar até 8,4 cm de comprimento, incluindo o seu cerco, considerada a maior tesourinha do mundo. A cor da Tesourinha de Santa Helena era avermelhada nas pernas e preta ou marrom no corpo. Assim como algumas outras espécies, elas também não possuíam asas.

Segundo pesquisadores, a Tesourinha de Santa Helena foi extinta por conta da destruição de seus habitats e a eliminação de suas presas, como o rato. Ela não é vista viva desde 1967.

Como eliminar o inseto tesourinha

inseto tesourinha

Apesar de sua relevância na natureza, as tesourinhas são insetos bastante indesejados pelos seres humanos. E se você sofre com a presença desses bichinhos na sua casa, neste artigo te daremos algumas dicas de como você pode eliminá-los.

Procure eliminar esconderijos

Como já dissemos aqui, o habitat principal das tesourinhas são lugares escuros. Por isso, se você sofre com a presença delas em casa ou em qualquer lugar, a primeira providência é eliminar esconderijos.

Procure tampar vãos de portas, pequenas frestas entre os móveis ou buracos no chão. Esses serão os primeiros lugares em que as tesourinhas vão procurar ficar. Então é importante que você encontre uma forma de desmontar esses esconderijos.

Evite acúmulo de umidade

Outra característica do habitat das tesourinhas é umidade. Portanto, é imprescindível que você não deixe acumular umidade nos lugares, principalmente se eles forem escuros.

Para isso, mantenha sempre os cômodos bem arejados, deixando as janelas abertas. Se o local não tiver muitas janelas, uma opção é utilizar um desumidificador de ar, para que ele não deixe a umidade se acumular nas paredes. Outra opção muito eficaz para evitar o acúmulo de umidade é a utilização de tintas impermeabilizantes, para evitar o acúmulo de umidade nas paredes.

Deixe as entradas bloqueadas

Os vãos de portas e janelas são lugares perfeitos para a entrada de tesourinhas. É imprescindível que, principalmente durante a noite, você mantenha esses vãos bloqueados por algum tipo de pano ou material.

Como a tesourinha tem um hábito noturno para se locomover, tente colocar telas nas janelas e evitar também deixar as portas abertas durante a noite, pois isso facilita a entrada desse inseto. E, visto que ele consegue entrar e se esconder, pode ser difícil de achar.

Se, por algum acaso, você tiver algum tipo de buraco nas paredes ou no chão, tente, também, mantê-los tampados para evitar que as tesourinhas deixem os seus ovos lá.

Use soluções caseiras

Existem diversas soluções caseiras para eliminar tesourinhas de dentro de casa. Algumas muito eficientes consistem na utilização de água com detergente líquido ou água com sabão. Além de ser simples de fazer, é uma opção barata.

Os detergentes líquidos, assim como a água com sabão, são remédios que, quando entram em contato com o exoesqueleto do inseto, retiram a camada protetora do corpo deles, fazendo com que eles desidratem até morrer.

Para fazer isso, basta preparar a solução e jogar nos lugares onde você costuma ver os insetos. E, se você quiser potencializar ainda mais o remédio, pode acrescentar um pouco de vinagre, pois ele acelera o processo de desidratação.

Use armadilhas

As armadilhas são soluções mais que perfeitas para a eliminação de tesourinhas. Uma das mais eficazes e famosas consiste em deixar uma lata de óleo no centro dos cômodos. Precisa ser uma lata de óleo, como aquelas de sardinha ou de comida de gato, cheia de qualquer tipo de óleo.

Deixe a lata no centro do cômodo durante a noite, com as luzes apagadas. Os insetos serão atraídos pelo cheiro, mas se afogarão no óleo. Uma boa alternativa é colocar óleos essenciais nas latas, pois ainda dará um cheiro especial ao lugar. Além dessa armadilha, existem diversas outras que podem ser muito eficazes.

Elimine as lacrainhas do jardim

Caso você tenha um jardim no quintal de casa, é muito importante que você evite lacrainhas lá. Fazer isso evita com quem elas entrem em casa e que sejam um incomodo ainda maior.

Uma solução para eliminar as lacraias do seu jardim é ter predadores naturais desse inseto dentro do seu jardim. As centopeias são predadoras que, além de manter as tesourinhas longe, também ajudam na polinização das plantas, fazendo com que seu jardim fique ainda mais bonito.

Algumas curiosidades sobre o inseto tesourinha

inseto tesourinha

Agora que você já conhece as principais características de todos os tipos de insetos tesourinha, separamos algumas curiosidades que podem ser interessantes. Neste tópico, você verá algumas informações que podem te ajudar a sanar quaisquer dúvidas que você ainda tenha sobre esse inseto.

A "picada" da traça tesourinha não é perigosa

O tesourinha tem o costume de atacar o homem apenas quando se sente ameaçado. Nessas horas, ele usa o seu cerco em forma de pinça para perfurar a pele de quem ele quer atacar. Ma,s fique tranquilo, a picada desse animal não é perigosa, pois não possui nenhum tipo de veneno.

Caso aconteça de você ser picado por uma tesourinha, o tratamento deverá ser igual ao tratamento de um arranhão, com lavagens diárias e antisséptico.

Este inseto tem asas e voa

Como mencionamos nas descrições de algumas tesourinhas neste artigo, a maioria das espécies desse inseto possui asas na parte de trás do corpo. No entanto, as asas que elas possuem são tão pequenas que chegam a dar a impressão de que não conseguem voar.

Mas, a verdade é que as tesourinhas voam, sim. Como gostam mais de ficar em superfícies, elas não usam o voo com tanta frequência, apenas quando necessário, para chegar a algum lugar.

Possui predadores

Na cadeia alimentar, os insetos tesourinha possuem, como seus principais predadores, aves, anfíbios, lagartos, aranhas, morcegos e grandes insetos. No entanto, caçar uma tesourinha pode ser uma tarefa complicada para esses predadores. Isso, porque eles são animais muito pequenos e que sabem se esconder na natureza como ninguém.

A traça tesourinha tem importância ecológica

Uma das grandes vantagens da existência da traça tesourinha é que ela serve de grande ajuda na eliminação de pragas e infestações, tanto dentro de casa, quanto, principalmente, em plantações.

Nos últimos anos, como alternativa ao uso de produtos químicos em plantações agrícolas, esse tipo de controle biológico vem ganhando muito espaço, o que torna as tesourinhas cada vez mais necessárias.

Apesar de assustadoras, as tesourinhas são inofensivas

inseto tesourinha

As tesourinhas, também conhecidas como lacrainhas ou dermápteros, são insetos pequenos que medem entre 3 e 85 mm. Uma característica marcante delas são os cercos que têm em forma de pinça, na parte de trás do corpo. Além disso, grande parte das espécies desses animais possuem asas e podem voar, apesar não terem esse costume.

A cor de uma tesourinha pode variar conforme a espécie. A Bicha-cadela, por exemplo, tem uma cor castanho-brilhante pelo corpo, enquanto a Tesourinha preta, possui um corpo predominantemente castanho-escuro, beirando ao preto.

E, apesar de parecerem muito assustadoras por conta de sua aparência, as tesourinhas são inofensivas. Aliás, elas não só são inofensivas, como têm grande importância ecológica e podem ajudar a eliminar pragas. Portanto, caso você veja um inseto desses por aí, não tenha medo!

Autor deste artigo

Artigos relacionados


Pássaro preto (graúna): descrição, como criar e muito mais

Pássaro preto (graúna): descrição, como criar e muito mais

Você conhece o pássaro preto? Neste artigo será possível conferir quais são as principais características da espécie, as subespécies, além de outras informações


Como fazer brinquedos para gatos: veja 32 ideias caseiras!

Como fazer brinquedos para gatos: veja 32 ideias caseiras!

Você sabia que criar brinquedos para o seu gatinho pode ser muito mais fácil do que imagina? Confira aqui 32 ideias super fáceis para você fazer!


Origem do cavalo: veja a história dos ancestrais à evolução

Origem do cavalo: veja a história dos ancestrais à evolução

Você já se perguntou de onde surgiu o cavalo? Conheça a origem e os ancestrais do cavalo, um dos animais mais majestosos e antigos do reino animal!


 Lagartixa come escorpião? E aranha? Veja e se surpreenda!

Lagartixa come escorpião? E aranha? Veja e se surpreenda!

Está tendo problemas com aracnídeos? Confira neste artigo quais insetos ou animais são predadores deles e aprenda muitas dicas para se livrar desses venenosos!


 Topolino: veja características, preço e como criar o roedor

Topolino: veja características, preço e como criar o roedor

Você já ouviu falar do rato Topolino? Este artigo mostrará tudo a respeito dele, de modo que você poderá criá-lo em casa, se quiser! Confira!


Últimos posts


Pássaro preto (graúna): descrição, como criar e muito mais

Pássaro preto (graúna): descrição, como criar e muito mais

Você conhece o pássaro preto? Neste artigo será possível conferir quais são as principais características da espécie, as subespécies, além de outras informações


Grama para gatos: o que é, tipos, benefícios e como plantar

Grama para gatos: o que é, tipos, benefícios e como plantar

Você sabia que a grama para gatos afeta o comportamento do seu felino e traz benefícios? Aprenda sobre a planta, formas de cultivo e muito mais neste artigo!


Como fazer brinquedos para gatos: veja 32 ideias caseiras!

Como fazer brinquedos para gatos: veja 32 ideias caseiras!

Você sabia que criar brinquedos para o seu gatinho pode ser muito mais fácil do que imagina? Confira aqui 32 ideias super fáceis para você fazer!


Cio de cachorro macho e fêmea: sintomas, como acalmar e mais!

Cio de cachorro macho e fêmea: sintomas, como acalmar e mais!

Seu pet está passando pelo cio? Se a reposta for sim, não perca tempo e venha conferir todas as dicas para passar por esse período de oscilações.


Petisco natural para cachorro: receitas, benefícios e dicas

Petisco natural para cachorro: receitas, benefícios e dicas

Já pensou em como pode ser interessante dar petisco natural para cachorro? Aqui você descobre os benefícios dessas guloseimas e algumas receitas para preparar.