Tudo sobre gatos domésticos: veja curiosidades deste felino

Tudo sobre gatos domésticos: veja curiosidades deste felino

O gato é um animal charmoso, inteligente e cheio de peculiaridades. Neste artigo você vai ficar sabendo tudo sobre os gatos domésticos e suas características.


Você sabe tudo sobre gatos?

Gatos espalhados em um tapete

Se você tem gatos em casa, com certeza já deve saber um bocado de coisas sobre eles, mas, sempre há novidades, por isso, este artigo vai ajudar você a conhecer muito mais sobre esses felinos adoráveis que habitam o mundo e convivem com nós, humanos, há muitos séculos.

Você descobrirá inúmeras curiosidades como, por exemplo, que eles podem ser adestrados, o motivo pelos quais ronronam, que vão desde demonstrar que estão calmos até estressados, sua estrutura corporal e, até mesmo, os significados dos miados. Também irá perceber quantas inúmeras raças existem no mundo e qual é o menor e o maior gato doméstico de todos.

Está preparado para entrar no mundo dos gatos domésticos e desvendar todos os seus mistérios? Então continue lendo, se divirta e ainda aprenda a como decifrar o seu lindo gatinho!

Tudo sobre a personalidade dos gatos

Gato amarelo lambendo a pata

Dizem que os gatos se acham verdadeiros donos da casa e são criaturas exigentes. Isso pode ter um pouco de verdade, afinal, eles têm gostos bem determinados. Continue a leitura e saiba tudo sobre a personalidade dos gatos.

Os gatos podem ser adestrados

Gatos são animais inteligentes, de boa memória e capazes de aprender por meio da observação e experiência. Por isso, eles também são adestráveis. Além de positivo para a relação entre vocês, o adestramento facilitará a rotina de cuidados com o bichano, como cortar as unhas, escovar os dentes, entre outros.

No treinamento, os comportamentos desejados devem ser recompensados e os atos indesejados ignorados. Pois, qualquer sinal da sua atenção pode ser entendido pelo gato como uma recompensa pelo que ele fez.

Passam a maior parte do dia dormindo

Os gatos dormem de 12 a 16 horas diárias, sendo que esse período é dividido em várias e curtas sonecas ao longo do dia. Além disso, 70% do sono dos bichanos é leve. Por isso, ele desperta com qualquer barulho ao seu redor.

Esse comportamento é explicado pelo fato do gato ser um animal caçador. Portanto, mesmo os bichanos domesticados ainda acumulam energia para as caçadas noturnas. Porém, não é normal um gato que “só dorme”. Caso seu pet mostre desinteresse por brincadeiras, procure um médico veterinário.

Seu miado tem muitos significados

O miado é a forma dos gatos chamarem a atenção dos humanos. Portanto, ao miar, seu bichano se comunica com você. Talvez seja um pedido por comida, carinho ou a exposição de algum problema. Eles podem miar de diferentes formas e cada uma delas significar uma necessidade distinta.

Por isso, além do miado, o tutor deve observar o comportamento do pet para descobrir o que ele quer. Por exemplo, miados curtos, baixos, e acompanhados de olhares “pidões”, quase sempre indicam fome. Já os miados altos e excessivos, costumam significar problemas.

Eles ronronam por vários motivos

O ronronar é aquele som contínuo emitido pelos gatos quando eles estão muito relaxados e felizes. É um costume que os bichanos aprendem ainda filhotes e levam para a vida toda. O som tem propriedades comunicativas, de relaxamento e de cura para o próprio animal.

Porém, o ronronar também pode significar medo ou estresse. Por isso, conhecer bem o seu gato ajuda a descobrir o motivo do ruído. Se ele ronrona e olha para a sua comida, isso é uma óbvia demonstração de que ele quer comer.

Eles são exigentes com a tigela de água

Mantenha a tigela de água sempre limpa e com o líquido fresquinho. Recipientes sujos ou água parada há muito tempo, não são atrativos para o seu gato. Por isso, troque o líquido diariamente ou compre uma fonte de água corrente para ele se refrescar.

Além disso, não coloque tigelas perto das caixinhas de areia. Pois assim como você, eles também não gostam de comer ou beber próximo ao próprio banheiro. Alguns deles preferem ainda que as vasilhas de comida e água fiquem afastadas uma da outra.

Não detestam água

Os gatos não detestam água, na verdade, eles não gostam do banho. Lavar seu felino é algo que só deve ser feito em situações específicas, como quando há sujeira tóxica no pelo. Afinal, os gatos são autolimpantes e muito cuidadosos com a própria higiene.

O banho pode causar estresse no felino porque retira o cheiro natural que ele deposita no próprio pelo ao se lamber. Então, você pode até gostar do cheiro do shampoo, mas, seu bichano prefere o cheiro que é a identidade dele.

O que os gatos mais gostam de comer

Gatos são animais caçadores e carnívoros por natureza. No meio natural, os felinos se alimentam de pequenos animais, por isso, a proteína animal não pode faltar na dieta dos bichanos domésticos. Eles apreciam alimentos gordurosos, com sabor e odor agradável.

Então, além da ração, você também pode oferecer a ele carnes, peixes e até mesmo frutas e legumes. No entanto, consulte um médico veterinário e saiba mais sobre a alimentação natural para gatos, pois alguns alimentos são tóxicos para eles.

Tudo sobre a aparência dos gatos

Gato deitado

Fofos, elegantes e lindos resumem bem a aparência dos gatos. No entanto, eles são muito mais do que rostinhos bonitos. Neste tópico, você aprenderá sobre as características que fazem desses bichanos, animais ainda mais fantásticos. Confira a seguir.

Estrutura corporal dos gatos domésticos

Os gatos domésticos possuem tamanho médio de 23 a 25 cm de altura, 46 cm de comprimento, e pesam de 3,5 a 5 kg. Já o comprimento da cauda é de 30 cm. Os indivíduos de algumas raças podem ter essas medidas aumentadas ou diminuídas.

São animais flexíveis, de corpos compactos, musculosos e seu esqueleto é composto por 230 ossos. Sua musculatura desenvolvida proporciona a habilidade de pular até 2 m de altura. Os bichanos também possuem patas almofadadas, com unhas retráteis e afiadas.

Função do bigode dos gatos

O bigode do gato, cujo nome é vibrissa, não serve apenas para deixá-lo mais charmoso. Ele é essencial para o equilíbrio e noção de espaço dos peludos. O comprimento dos fios corresponde à parte mais larga do corpo do felino, o que o ajuda a medir distâncias e saber onde vai caber.

Além disso, os fios têm função sensorial e recebem informações importantes que ajudam no momento da caça ou em situações de perigo. Sem eles, seu gato pode ficar perdido e desorientado. Por isso, jamais corte os fios!

Maior e menor raça de gato

O Maine Coon é a maior raça de gato doméstico do mundo! Esses gigantes podem atingir a marca de 1,2 m de comprimento, incluindo a cauda. As fêmeas podem pesar até 9 kg e os machos são capazes de atingir os 12 kg.

Já o Munchkin é a menor raça de todas! Com patas curtas e corpo longo, é considerado o salsichinha felino. Sua altura varia entre 17 e 23 cm, sendo que os machos pesam entre 3 e 4 kg, e as fêmeas, entre 2 e 4 kg.

Sua língua é muito áspera

Você já foi lambido por um gato? Então, deve ter notado a língua áspera que ele tem. Isso acontece porque ela é composta por 400 papilas filiformes, que são aqueles “espinhos” feitos de queratina. Essas cerdas são curvadas, ocas e armazenam saliva.

Assim, a língua funciona como uma escova natural para o bichano, pois remove sujeiras enquanto ele se lambe. Além disso, ela ajuda, também, a reduzir a temperatura do corpo do animal, depositando saliva na pele.

A cauda serve para equilíbrio e comunicação

A cauda do gato é um instrumento de comunicação e transmite informações sobre seu humor e suas emoções. Além disso, ela auxilia nos saltos, sendo essencial para o equilíbrio do gato, pois é a extensão da coluna vertebral.

Observar como o gato movimenta a cauda ajuda a entender suas necessidades. Quando o bichano está alegre, ela fica apontada para cima, podendo balançar de leve. Já quando o gato se sente ameaçado, ela fica para cima e balança bastante, às vezes pode ficar ouriçada.

Mais curiosidades sobre os gatos

Gato deitado perto de uma bolinha

Ao longo do tempo os felinos domésticos conquistaram espaço dentro das casas e também ocuparam o coração dos humanos. Não é à toa que pessoas, que tendo ou não gatos, buscam informações sobre eles. Abaixo confira algumas curiosidades sobre esse pet adorável.

Existem várias raças de gatos

Não se sabe ao certo quantas raças de gatos domésticos existem no mundo. O problema é a divergência nos critérios de classificação que variam bastante. Cada entidade felina possui suas próprias normas de categorização, por isso, os números de raças variam bastante.

Em uma busca simples na internet é possível perceber mais de 40 raças de gatos, sendo algumas delas bem parecidas umas com as outras. Para a Associação Internacional de Gatos (TICA) existem 71 raças, porém, a Enciclopédia Britânica denomina 15 raças de gatos domésticos.

Idade de gato em anos humanos

Um gato doméstico vive em média 16 anos, mas podem ultrapassar sem muitas dificuldades. Pode parecer pouco tempo, mas você sabia que essa idade do gato equivale a 80 anos humanos? O cálculo de equivalência é feito de forma simples, veja:

O primeiro ano de vida equivale a 15 anos humanos. Se o seu gato já completou 2 anos, adicione mais 10, ou seja, ele teria 25 anos se fosse uma pessoa. A partir do terceiro aniversário acrescente 4 para cada ano vivido. Então, aos 3 anos, ele terá 29 anos humanos. E assim, sucessivamente.

Como surgiram os gatos domésticos

Os gatos doméstico, cujo nome científico é Felis Silvestres Catus, surgiram há mais de 100 mil anos. Eles são descendentes da espécie Felis Silvestris Lybica, ou gato-da-líbia, um felino selvagem que habita até hoje o norte da África e do Oriente Médio.

Com o passar do tempo, os gatos começaram a se aproximar dos humanos, principalmente para caçar roedores que ficavam próximos às plantações. Com isso, os agricultores perceberam o quanto seria proveitoso ter um gato por perto e começaram a atrai-los. Assim nasceu uma linda amizade.

Gatos andam como girafas e camelos

Gatos andam como girafas e camelos, ou seja, movimentam metade do corpo para frente e depois a outra metade. Primeiro avançam com as patas direitas, em seguida avançam com as esquerdas. Esses animais são os únicos que possuem essa forma peculiar de andar.

Talvez você nunca tenha reparado nisso, mas não se preocupe, é apenas uma curiosidade do mundo animal. Porém, agora que você sabe, provavelmente irá observar a forma como o seu bichano caminha.

Gatos brancos de olhos azuis são surdos

Se você tem um gato branco de olhos azuis, há grandes chances dele não conseguir ouvir nada. A explicação para isso é um gene chamado W, que age no período embrionário e é atuante sobre a audição e pelagem. Se o gato tiver esse gene nascerá todo branco.

Mas nem todo gato branco de olho azul é surdo, esse problema congênito atinge cerca de 80% deles. Os gatinhos de pelagem branca que possuem pelo menos um dos olhos azuis, também podem ser meio surdos.

Gatos e tigres têm genes semelhantes

As espécies de felinos são muito parecidas entre si, mas você sabia que gatos e tigres também compartilham genes semelhantes? Segundo estudo divulgado em 2013, os tigres-siberianos têm 95,6% dos seus genes compatíveis com os dos gatos domésticos. Isso acontece mesmo com a separação de mais de 10 milhões de anos entre as duas espécies.

A pesquisa pioneira que decifrou o genoma dos tigres-siberianos foi liderada pelo geneticista sul-coreano Jong Bhake. O estudo apontou ainda que o tigre, o gato e outros felinos compartilham uma grande quantidade de genes ligados ao olfato e a percepção sensorial.

Gato tem medo de pepino

Você já deve ter visto alguns vídeos de gatos que se assustam com pepinos ou outros legumes parecidos. Dessa forma, você pode imaginar que o pepino é o pesadelo dos bichanos, mas não é isso o que acontece. Na verdade, o que faz o gato tomar um susto é o elemento surpresa.

Além disso, os legumes verdes e compridos podem lembrar um lagarto ou cobra. Portanto, a situação pode ser divertida para as pessoas, mas para os gatos é um trauma e não têm graça nenhuma. Portanto, não faça isso com o seu peludo.

Gatos querem conquistar o mundo

Gato sentado

Dizem que os gatos têm um plano para conquistar o mundo. Pelo que foi visto neste artigo, essa ideia está sendo executada há alguns milhares de anos. Com um jeito todo especial, eles já conseguiram ocupar o lar e o coração das pessoas.

Para isso, a natureza deu aos bichanos características especiais. Função autolimpante, com língua que serve como escova, bigodes que funcionam como antenas e cauda que ajuda no equilíbrio e nos saltos. Para completar o pacote, tem o ronronar que acalma e o miado que chama a atenção dos donos. Sendo assim, alguém duvida de que eles vão conseguir o objetivo final?

Autor deste artigo

Artigos relacionados


Grama para gatos: o que é, tipos, benefícios e como plantar

Grama para gatos: o que é, tipos, benefícios e como plantar

Você sabia que a grama para gatos afeta o comportamento do seu felino e traz benefícios? Aprenda sobre a planta, formas de cultivo e muito mais neste artigo!


Cio de cachorro macho e fêmea: sintomas, como acalmar e mais!

Cio de cachorro macho e fêmea: sintomas, como acalmar e mais!

Seu pet está passando pelo cio? Se a reposta for sim, não perca tempo e venha conferir todas as dicas para passar por esse período de oscilações.


Petisco natural para cachorro: receitas, benefícios e dicas

Petisco natural para cachorro: receitas, benefícios e dicas

Já pensou em como pode ser interessante dar petisco natural para cachorro? Aqui você descobre os benefícios dessas guloseimas e algumas receitas para preparar.


Cachorro marrom: conheça 21 raças grandes, médias e pequenas!

Cachorro marrom: conheça 21 raças grandes, médias e pequenas!

Quer ter um cachorro marrom? Conheça a seguir várias raças com essa coloração dividida em porte grande, médio e pequeno, assim como suas características!


Quantos anos vive um gato doméstico? Veja a média e compare!

Quantos anos vive um gato doméstico? Veja a média e compare!

Conheça a expectativa de vida de um gato e quais são os aspectos gerais que podem influenciar essa qualidade.


Últimos posts


Pássaro preto (graúna): descrição, como criar e muito mais

Pássaro preto (graúna): descrição, como criar e muito mais

Você conhece o pássaro preto? Neste artigo será possível conferir quais são as principais características da espécie, as subespécies, além de outras informações


Grama para gatos: o que é, tipos, benefícios e como plantar

Grama para gatos: o que é, tipos, benefícios e como plantar

Você sabia que a grama para gatos afeta o comportamento do seu felino e traz benefícios? Aprenda sobre a planta, formas de cultivo e muito mais neste artigo!


Como fazer brinquedos para gatos: veja 32 ideias caseiras!

Como fazer brinquedos para gatos: veja 32 ideias caseiras!

Você sabia que criar brinquedos para o seu gatinho pode ser muito mais fácil do que imagina? Confira aqui 32 ideias super fáceis para você fazer!


Cio de cachorro macho e fêmea: sintomas, como acalmar e mais!

Cio de cachorro macho e fêmea: sintomas, como acalmar e mais!

Seu pet está passando pelo cio? Se a reposta for sim, não perca tempo e venha conferir todas as dicas para passar por esse período de oscilações.


Petisco natural para cachorro: receitas, benefícios e dicas

Petisco natural para cachorro: receitas, benefícios e dicas

Já pensou em como pode ser interessante dar petisco natural para cachorro? Aqui você descobre os benefícios dessas guloseimas e algumas receitas para preparar.